Follow by Email

quarta-feira, 21 de março de 2012

Manicotti

Vi esta receita num programa de TV italo-americano, e uma vez que já tinha ouvido falar deste prato em alguns filmes resolvi experimentar. Primeiro fiz para o meu almoço num domingo, fiquei delirante, repeti-o na mesma semana para uma jantarada de amigos! Está nos Top 5 sem dúvida!


















Receita para 4 pessoas

Ingredientes para os crepes:
3/4 de chávena de água
3/4 de chávena de leite
2 ovos
2 chávenas de farinha
1 pitada de sal

Ingredientes para o recheio:
250 gr queijo ricotta;
1/2 chávena de mozzarela;
2 ovos;
1/4 de chávena de parmesão ralado;
sal
salsa e manjericão

Ingredientes para o molho:
1 lata grande de tomate pelado ou 3 tomates escaldados e sem pele
100 gr de bacon ou chouriço em pedaços
1 dente de alho
2 c. sopa de azeite
sal e pimenta
manjericão picado
1 c. chá de raspa de bata
1/2 chávena de parmesão ralado


Comecemos por fazer a massa dos crepes, misturando todos os líquidos, o ovo e a margarina com uma batedeira (Bimby: 30s/vel.4).
Adicionar a farinha e o sal e bater (Bimby:1min./vel.4). 
Deixar descansar 1 hora.
Untar um crepeira com manteiga e colocar colheradas da massa para obter um crepe não muito alto. Virar com a ajuda de um garfo.

Para o recheio, misturar todos os ingredientes numa taça, com a ajuda de uma colher de pau, até obter uma mistura homogénea mas com os grumos do queijo.

Para o molho começamos por saltear o bacon ou chouriço numa sertã quente e sem gordura. Reservar.
Num tacho colocar o azeite, o alho e a raspa de batata. 
Quando dourar juntar o tomate, o bacon/chouriço, sal e pimenta. 
Deixar cozinhar em lume baixo 15 minutos.


Pré-aquecer o forno a 180º.
Untar um pirex com um fio de azeite, colocar metade do molho de tomate.
Rechear os crepes até às pontas, enrolar e dispo-los no pirex.
Cobrir com o restante molho, polvilhar com o parmesão e o manjericão e levar ao forno 35 minutos.



À primeira vista pode parecer complicado, mas depois de se apanhar o jeito dos crepes é muito rápido, porque enquanto a massa descansa vamos fazendo as outras coisas. E de facto vale a pena. Poucos pratos mexem comigo como este!

4 comentários:

  1. Olha, isto parece-me tudo muito bem, portanto quando vieres a Lisboa vem com as receitas porque vais ter de trabalhar, ah se vais! ;)
    (mas sem cebola cozinhada - eu não posso comer e o meu pai não gosta!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazemos assim, até lá fazem a lista do que querem experimentar e vou preparada!
      Já estava à espera de pagar a estadia/guias turísticos com algo, voltamos aos tempos das trocas!! :)

      Eliminar
  2. Eu já tive o privilégio de provar.
    Não se pode explicar,só mesmo comendo...
    delicioso

    Isa
    mamã da cozinheira

    ResponderEliminar
  3. Eu também fiquei delirante com esta receita, a babar literalmente! Tenho que experimentar!
    Bjs.

    ResponderEliminar